Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Mostra revela o cinema lésbico de Barbara Hammer

Curadora Juliana Pamplona conta detalhes da filmografia e vida da diretora em bate-papo

Arte Clube

No AR em 17/04/2017 - 12:15

A mostra “Barbara Hammer – Um cinema experimental lésbico” reúne 24 filmes da diretora americana conhecida internacionalmente por explorar a cultura lésbica e temas considerados tabus. A retrospectiva fica em cartaz na Caixa Cultural Rio de Janeiro a partir de 18 de abril.

Em entrevista no programa Arte Clube, a curadora Juliana Pamplona revela particularidades da carreira da cineasta. “Eu acho que no caso da Barbara, e ela mesmo fala isso na autobiografia dela, arte e vida são muito atravessados por questões como o preconceito, pelo fato de uma mulher assumidamente lésbica nos anos 60 resolver fazer cinema experimental.”

Com 24 filmes na programação, o público pode conferir obras de Hammer de diversas épocas em longas como Dyketatics (1974), Nitrate Kisses (1992) e The Female Closet (1998).

A mostra conta, ainda, com seminários que discutem suas produções. No dia 19 de abril, às 19h, a mesa “Arte e ativismos Lés-Bi-Cuier” recebe o cineasta Pri Bertucci, a escritora Amara Moira e a poeta Tatiana Nascimento. Já no dia 27 de abril, às 19h10, a mesa “Olhares sobre o cinema de Barbara Hammer” conta com a participação da crítica Camila Vieira da Silva e das cineastas Susana Costa Amaral e Érica Sarmet.

A programação completa pode ser consultada no site.

Serviço:
BARBARA HAMMER - UM CINEMA EXPERIMENTAL LÉSBICO
Onde: Caixa Cultural Rio de Janeiro – Av. Almirante Barroso, 25 – Centro, RJ
Quando: de 18 a 30 de abril
Preço: R$4 | R$ 2

Mais do programa