Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Lei aprovada permite a cobrança de imposto sobre serviços de streaming

A proposta pretende ampliar a arrecadação do Distrito Federal, evitando que o ISS fique nas cidades onde as empresas estão instaladas

Repórter Nacional - Brasília

No AR em 07/12/2017 - 10:40

Os deputados distritais aprovaram projeto de lei complementar que adequa a legislação local à federal para permitir que o Distrito Federal recolha imposto de serviços como planos de saúde, leasing de veículos, cartões de crédito e também sobre novos setores, como o de serviços de streaming, tipo Netflix e Spotify.

A proposição foi apreciada em dois turnos de votação e segue para a sanção do governador Rodrigo Rollemberg.

De autoria do Executivo, a proposta pretende ampliar a arrecadação do Distrito Federal, evitando que o Imposto sobre Serviço de qualquer natureza (ISS) fique nas cidades onde as empresas estão instaladas.

De acordo com o secretário de Fazenda, Wilson José de Paula, a medida busca combater a guerra fiscal entre as unidades da Federação, que dão benefícios fiscais às empresas que tiverem sede no estado. As novas regras passam a valer 90 dias após a sanção.

 

Ouça também no Repórter Nacional - Brasília desta quinta-feira (7):

- MPDFT ajuiza ação para obrigar a Secretaria de Saúde a comprar aparelho para cirurgia oftalmológica

Tags:  streaming ISS

Mais do programa