Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Tribunal de Contas do DF aprova, com ressalvas, contas de 2018

Análise mostrou que, em 2018, a receita do DF teve apenas 0,6% de aumento real e alcançou R$ 37,1 bilhões, mas as despesas foram R$ 200 milhões mais altas

Repórter Nacional - Brasília

No AR em 13/08/2019 - 07:30

O Tribunal de Contas do Distrito Federal aprovou com ressalvas as contas de Governo relativas ao ano passado. A conclusão do TCDF será encaminhada para análise da Câmara Legislativa.

O documento do Tribunal de Contas traz dez ressalvas, seis determinações e uma recomendação ao governador do DF. Entre as ressalvas, destacam-se a superestimativa de arrecadação, a falta de metodologia para avaliar o custo/benefício das renúncias de receitas e de outros incentivos fiscais, e a realização de despesas sem cobertura contratual.

A análise da Corte de Contas mostrou que, no ano passado, a receita do DF teve apenas 0,6% de aumento real e alcançou R$ 37,1 bilhões. Mas as despesas foram R$ 200 milhões mais altas e totalizaram R$ 37,3 bilhões.

A principal fonte de receita do GDF foram os orçamentos Fiscal e da Seguridade Social, que somaram quase R$ 23 bilhões. Já a maior despesa foi com a folha de pessoal e com encargos sociais, que passam dos R$ 25 bilhões.

O relatório também aponta que o GDF tem destinado menos dinheiro do que a legislação determina para a Fundação de Apoio à Pesquisa. No ano passado, a fundação recebeu apenas 15% do valor previsto.

Outros destaques do Repórter Nacional - Brasília desta terça-feira (13) 7h30:

Criado em 13/08/2019 - 09:48

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa