Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Corpo do jornalista Ricardo Boechat é velado e será cremado hoje à tarde

O jornalista tinha 66 anos e morreu ontem, após o helicóptero em que estava cair na rodovia Anhanguera

Repórter Nacional

No AR em 12/02/2019 - 07:30

O jornalista Ricardo Boechat morreu em um acidente de helicóptero no começo da tarde dessa segunda-feira (11), em São Paulo.

Ele tinha ido a Campinas fazer uma palestra para executivos e funcionários de um laboratório farmacêutico e o helicóptero que deveria ter pousado no heliponto da tv bandeirantes, onde trabalhava, caiu sobre um caminhão na Rodovia Anhanguera.

A confirmação de que o jornalista estava no helicóptero foi feita em um depoimento emocionado pelo também jornalista e colega de emissora, Luiz Datena.

O acidente aconteceu, por volta de 12h, na altura do quilômetro 7 da Anhanguera, estrada que liga a capital paulista ao norte do estado.

Além de Boechat, o piloto do helicóptero, Ronaldo Quatrucci, também morreu na hora.

O motorista do caminhão que foi atingido pelo helicóptero teve ferimentos leves.

A morte do jornalista mobilizou o mundo político.

Pelo Twitter, o presidente Jair Bolsonaro disse que recebeu a notícia com pesar e prestou solidariedade à família do jornalista e do piloto do helicóptero.

A Presidência da República também emitiu nota de condolências, na qual diz que o país perde um dos principais profissionais da imprensa brasileira.

Em Brasília, a notícia também mobilizou o legislativo e o judiciário.

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, escreveu que foi em estado de consternação e tristeza que recebeu a notícia da morte inesperada do jornalista, que era um profissional reconhecido pelo trabalho e senso crítico.

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, disse que recebeu a notícia com tristeza e que Boechat foi um dos grandes comunicadores do nosso país e uma referência de bom jornalismo.

Dias Tofolli, presidente do STF, lamentou a morte de Boechat e disse que a imprensa e a sociedade brasileira estão em luto pela perda do profissional que, com dinamismo e versatilidade, levava a notícia aos públicos mais diversos.

A procuradora geral da União, Raquel Dodge, disse que o silêncio de Boechat será eloquente e sentido em todo o país.

No último programa que apresentou, na segunda-feira pela manhã, na rádio Bandnews, Boechat falou sobre a sequência de desastres que atingem o país. Ele disse que a impunidade comanda a orquestra das tragédias nacionais.

Agora, o acidente está sendo investigado pelo CENIPA, o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos

Segundo a ANAC, Agência Nacional de Aviação Civil, o helicóptero matrícula PT-HPG, fabricado em 1975, estava em situação regular e com a documentação em dia.

Ricardo Boechat tinha 66 anos e deixa seis filhos. Ele era apresentador do Jornal da Band e radio Bandnews. Em 1973 foi chefe de reportagem da Rádio Nacional. Também trabalhou nos jornais O Globo, O Dia, O Estado de S. Paulo e Jornal do Brasil.

A primeira manifestação pública da esposa do jornalista, Veruska Boechat, sobre a morte do marido foi uma publicação nas redes sociais em que ela diz que é o pior dia de sua vida. Ela aparece vestida de noiva e sendo abraçada pelo marido.

Ouça o Repórter Nacional (7h30) desta terça-feira (12):

 

Outros destaques desta edição:

- Sem febre ou dor, presidente Jair Bolsonaro deixa unidade de terapia semi intensiva do Hospital Albert Einstein

- Ex-presidente do Banco Central diz que reforma da previdência pode ajudar crescimento do PIB

- Governo estuda mudar definição de "acidente natural" para rompimento de barragens

- Doze separatistas catalães começam a ser julgados na Espanha em julgamento histórico

Tags:  Ricardo Boechat

Criado em 12/02/2019 - 08:54

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa