Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Delegado responsável pelo inquérito no Ninho do Urubu ouve atletas e funcionários do Clube

Objetivo é ouvir 16 pessoas: 13 atletas, sendo 11 que estavam no alojamento na hora do incêndio, dois que não estavam e três funcionários do centro de treinamento

Repórter Nacional

No AR em 11/02/2019 - 07:30

Os corpos das duas últimas vítimas do incêndio no alojamento das categorias de base do Centro de Treinamento do Flamengo foram identificados na tarde deste domingo (10). De acordo com informações do clube, Samuel Thomas de Souza Rosa e Jorge Eduardo Santos, ambos de 15 anos, foram identificados com técnicas de Antropologia Forense, ou seja, a partir de características do esqueleto, como o tamanho dos ossos.

Os corpos devem ser liberados para as famílias na manhã desta segunda-feira (11) e a previsão é que sejam enterrados ainda hoje. O sepultamento de Samuel está marcado para a parte da tarde, em São João de Meriti, na Baixada Fluminense; e Jorge Eduardo vai ser enterrado em Além Paraíba, na Zona da Mata de Minas Gerais.

Além deles, outras três vítimas serão enterradas hoje: Rykelmo de Souza Viana, em Limeira, e Gedson dos Santos, em Itararé, ambos no interior de São Paulo; e Athila Souza Paixão, em Lagarto, no Sergipe.

Já os três adolescentes feridos continuam hospitalizados. De acordo com nota divulgada pela Flamengo, Cauan Emanuel, de 14 anos, teve alta do CTI no início da tarde deste domingo e agora está em um quarto comum, no Hospital Vitória, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro. Ele está bem clinicamente e respira sem ajuda de oxigênio.

Ainda segundo a nota, Francisco Dyogo, de 15 anos, está em curva de melhora, mas se recupera um pouco mais lentamente, e segue com tratamento de fisioterapia respiratória no CTI do Hospital Vitória.

Já Jhonata Ventura permanece internado no centro de tratamento de queimados do Hospital Pedro Segundo II, em Santa Cruz, também na zona oeste. O estado de saúde dele é grave, porém estável. Jhonata está sedado e respira com a ajuda de aparelhos. Ele, que está com cerca de 30% do corpo queimado, teve febre nas últimas horas e realizou novo banho com curativos nas queimaduras mais profundas.

As investigações para determinar as causas e responsabilidades sobre o incêndio continuam nessa segunda feira. O delegado responsável pelo caso, Márcio Petra, titular da delegacia  do Recreio, vai dar sequencia a tomada de depoimentos das testemunhas. O objetivo é ouvir 16 pessoas: 13 atletas, sendo 11 que estavam no alojamento na hora do incêndio e dois que não estavam, e três funcionários do centro de treinamento que estavam trabalhando na hora em que o fogo começou e atingiu o alojamento da categoria de base do Flamengo.

Ouça o Repórter Nacional (7h30) desta segunda-feira (11):


Outros destaques desta edição:

- Presidente Jair Bolsonaro pede que Polícia Federal esclareça ataque a faca que sofreu na campanha

- Comissão Geral vai discutir consequências do desastre em Brumadinho

- Supremo Tribunal Federal pode decidir nesta semana se a homofobia e a transfobia devem ser criminalizadas

 

 

Criado em 11/02/2019 - 09:51

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa