Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Professora analisa situação de trabalhadoras

Estatísticas de gênero: indicadores sociais das mulheres no Brasil

Revista Brasil

No AR em 08/03/2018 - 13:20

A professora da Fundação Getúlio Vargas (FGV) e da Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas ( EBAPE), Carmen Migueles, afirma que a dupla jornada é a principal barreira para as mulheres quanto ao mercado de trabalho.

A partir de um Conjunto Mínimo de Indicadores de Gênero (CEMIG), proposto pelas Nações Unidas, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) compilou informações de diversos levantamentos como Pnad, Pnad-Contínua e Pesquisa Nacional de Saúde, acompanhado de dados de fontes externas como Ministério da Saúde, Congresso Nacional e Inep/MEC. 

Os indicadores estão agrupados em cinco temas: estruturas econômicas e acesso a recursos; educação; saúde e serviços relacionados; vida pública e tomada de decisões; e direitos humanos de mulheres e crianças. Dependendo do indicador, o período retratado vai de 2011 a 2016.

Clique no player acima e ouça o Revista Brasil.

Revista Brasil vai ao ar de segunda a sábado, às 8h, na Rádio Nacional de Brasília. É transmitida de segunda a sexta-feira, às 8h, na Rádio Nacional da Amazônia e na Rádio Nacional do Rio de Janeiro. E também, de segunda a sexta-feira, às 6h, na Rádio Nacional do Alto Solimões.

Deseja fazer algum tipo de manifestação?

Favor copiar o link do conteúdo ao apresentar sua sugestão, elogio, denúncia, reclamação ou solicitação.

Criado em 08/03/2018 - 13:28

Mais do programa