Reajuste da passagem no DF é prerrogativa do executivo, diz secretário

"Continua valendo a passagem que está atualmente em vigor, que são os novos preços", diz secretário de Mobilidade
Transporte público
Transporte público Renato Araújo / ABr

A Câmara Legislativa derruba reajuste das passagens de ônibus no Distrito Federal. Em entrevista ao Tarde Nacional desta sexta-feira (13), o secretário de Mobilidade do Governo do Distrito Federal, Fábio Damasceno, disse que entrou com uma ação judicial contra o decreto legislativo.
 
Segundo ele, a procuradoria está tomando as medidas cabíveis e o governo vai aguardar o desenrolar desta questão. "Continua valendo a passagem que está atualmente em vigor, que são os novos preços". Para Fábio Damasceno, a expectativa do governo é que a medida do legislativo será revertida porque é totalmente inconstitucional essa medida.
 
Segundo o secretário de Mobilidade do DF, a iniciativa do legislativo é ilegal: "é a mesma coisa que o executivo interferir em ações do legislativo. Existe uma relação entre os poderes, um não pode interferir na gestão do outro e o que a gente espera é que isto seja revertido porque houve uma ingerência do legislativo sobre o executivo".
 
Ouça esta entrevista na íntegra no player acima.

Produtor
Joana Darc Lima
Tarde Nacional - Brasília
em
13/01/2017 - 15:48
atualizado em
15/01/2017 - 10:47