Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

WebTV INES: primeira WebTV voltada para o público surdo brasileiro

Tema Livre realiza mesa redonda com a participação de apresentadores

O Tema Livre desta quinta-feira, uma reapresentação do programa do dia 01/10, foi sobre o trabalho da TV INES (TV INES no Facebook), a primeira webTV voltada para o público de pessoas surdas, feita prioritariamente na Língua Brasileira de Sinais (Libras), com legendas e locução em seus programas. A TV INES, inaugurada em 24 de abril de 2013, é fruto de uma parceria do Instituto Nacional de Educação de Surdos (Ines) e da Associação de Comunicação Educativa Roquette-Pinto (Acerp), no Rio de Janeiro.

 

O Brasil tem mais de 9,7 milhões de pessoas com dificuldade auditiva. Consequentemente, cresce entre surdos e ouvintes o uso da Língua Brasileira de Sinais (Libras), que é reconhecida como meio legal de comunicação e expressão pela Lei 10.436, sancionada no dia 24 de abril de 2002. Desde 2014, de acordo com a Lei 13.055, o dia 24 de abril é comemorado como o Dia Nacional da Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS).

 

Ouça o programa clicando no Player acima!

 

Participaram desta edição do Tema Livre Clarissa Guerretta, surda, 37 anos, casada, apresentadora da TV INES, professora de Letras/Libras, da Universidade Federal do Rio de Janeiro e participou do programa com o auxílio da intérprete Aline L'Astorina, que também trabalha na TV INES; Joana Peregrino, gerente da TV INES e integrante da equipe que criou TV INES; Tatiana Targine, produtora executiva da TV INES; Áulio Nóbrega, surdo, 38 anos, casado, ex-aluno do Ines e apresentador da TV INES, com o auxílio de Daniela Abreu, intérprete da TV INEs; e Amanda do Prado Ribeiro, diretora do Departamento de Educação Básica (Debasi) do Ines.

 

Durante o papo, além de falarem sobre a atuação da TV INES, questões como a inserção dos surdos na sociedade, pela comunicação com a Língua Brasileira de Sinais (Libras), também foram abordadas. Áulio Nóbrega comenta que, aos quatro anos de idade, quando se tornou estudante do Ines, não tinha a exata percepção do 'ser surdo', "quando eu fui crescendo, fui percebendo e fui mudando, vendo que a língua de sinais fazia parte da minha vida e foi aí que eu descobri que era surdo", revela ele, com o auxílio da intérprete Daniela Abreu. Foi nesse momento que ele teve a real noção de que a Libras era realmente uma língua.

 

Esta edição do Tema Livre foi especial, com a equipe do programa e os participantes felizes por realizarem um programa de rádio com a plena participação dos profissionais, surdos, da TV INES. Foi uma primeira vez para todos.

 

O Tema Livre está no ar de segunda a sexta-feira, das 10h às 11h da manhã.



Criado em 15/10/2015 - 16:05 e atualizado em 15/10/2015 - 11:50

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique