Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Invasores de terra indígena em Rondônia são presos após denúncias feitas à Funai

Imagens registradas pelos indígenas mostram a atuação dos criminosos, que desmataram diversas áreas para a demarcação e venda de lotes

Repórter Nacional - Amazônia

No AR em 07/05/2019 - 19:39

Duas pessoas foram presas acusadas de invadir a Terra Indígena Uru-Eu-Wau-Wau, em Rondônia.  O resultado da operação, que ocorreu no fim do mês passado, foi divulgado nessa terça-feira pela Funai. 

Mais de 80 servidores da Funai, Ibama, Polícia Militar Ambiental, Exército e ICMBio participaram da ação.

Foram encontrados quatro acampamentos com balsas, motocicletas, motosserras, mantimentos e plantações. Os invasores chegaram a construir trilhas e pontes em igarapés para passagem das motos. Imagens registradas pelos indígenas em janeiro mostram a atuação dos criminosos, que desmataram diversas áreas para a demarcação e venda de lotes.

Há suspeita de que entre os invasores estejam grileiros, pescadores e madeireiros. Os indígenas da Terra Indígena Uru-Eu-Wau-Wau contam que já receberam diversas ameaças. A Funai e outros órgãos federais investigam as denúncias e trabalham na elaboração de um plano de proteção continuada do território.

A Terra Indígena tem cerca de 1,8 mil hectares e reúne povos Uru-Eu-Wau-Wau, Juma, Amondawa e Oro Win. A população estimada é de 209 indígenas.

Criado em 07/05/2019 - 19:40

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa