Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Contas de água e esgoto do Distrito Federal terão nova forma de cálculo

40% dos consumidores devem pagar tarifas mais baixas

Repórter Nacional - Brasília

No AR em 03/12/2019 - 09:47

As contas de água e esgoto do Distrito Federal terão nova forma de cálculo. Quarenta por cento dos consumidores devem pagar tarifas mais baixas. Pelo novo cálculo, quem consumir mais irá pagar um maior valor nas contas.

A mudança atende a uma lei aprovada este ano pela Câmara Legislativa que acabou com o consumo mínimo de 10m³ de água por mês. Assim, a Adasa projetou uma nova tarifa a partir de faixas crescentes de consumo de água.

Para o uso residencial, haverá uma tarifa fixa de 8 reais que será somada a faixas variáveis de consumo. A mais baixa será de até 7m³ com valor de R$ 2,99. O maior valor será para consumo acima de 45m³ ao mês, custando R$ 23,87.

Por nota, a CAESB informou que enviou a Câmara Legislativa uma proposta da empresa para que as novas tarifas entrem em vigor a partir de junho de 2020, alegando precisar do tempo para fazer as adaptações necessárias. Ainda segundo a Companhia, o pedido deve ser analisado pelos parlamentares nos próximos dias. 

Outros destaques do Repórter Nacional - Brasília desta terça-feira (03) 7h30:

Criado em 03/12/2019 - 09:56

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa