Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Brasil registra mais de 11 mil infectados e 486 mortes pela Covid-19

O Ministério da Saúde alerta que os casos devem aumentar nos próximos dias, no Distrito Federal e nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará e Amazonas

Repórter Nacional

No AR em 06/04/2020 - 08:55

O Brasil tem 11.130 casos confirmados do novo coronavírus, segundo o último balanço divulgado pelo Ministério da Saúde. Só nesse domingo, foram registrados 852 novos casos – ou 8% a mais em relação ao balanço anterior, divulgado no sábado.

A taxa de mortalidade da doença aqui no Brasil está em 4,4% de óbitos para o total de infectados e o número de mortes chegou a 486, sendo 54 delas entre sábado e domingo.
 

Desse total de 486, 360 foram investigadas: 81% delas foram de pessoas acima de 60 anos. E em 79% dos casos, o paciente apresentava alguma doença preexistente, como diabetes e hipertensão. Já em 21% dos casos os pacientes não apresentavam doenças e, desses, 32% estavam abaixo dos 60 anos.
 

O Ministério da Saúde alerta ainda que quatro estados – São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará e Amazonas – além do Distrito Federal registram maior incidência de coronavírus e, nos próximos dias, devem apresentar um crescimento no número de casos. É que, segundo o secretário-executivo do ministério, João Gabbardo, nesses locais a epidemia está em transição da fase de transmissão localizada para a de aceleração descontrolada.
 

O Ministério da Saúde avalia que os estados e municípios que implementaram o distanciamento social devem manter essas medidas até que o sistema de saúde esteja com profissionais e equipamentos suficientes para atender a demanda por tratamentos. O entendimento da equipe técnica do Ministério é de que o distanciamento social é o único instrumento de controle da doença disponível no momento.

Ouça o Repórter Nacional (7h) desta segunda-feira (06):

Outros destaques desta edição:

- Casos de coronavírus no Brasil passam dos 11 MIL e 486 pessoas morreram ...
- Ministério da Saúde alerta para risco de aceleração dos casos no Distrito Federal, São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará e Amazonas
- No Rio de Janeiro, para evitar aglomerações, quem precisa trabalhar vai ter que seguir turnos prédefinidos para usar o transporte público
- Semana começa com previsão de votação de ajuda aos estados e Medidas Provisórias na Câmara dos Deputados

Criado em 06/04/2020 - 09:29

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa