Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Nem vacina resolve: coronavírus pode afetar a sociedade no futuro

Estudiosos afirmam que a pandemia vai deixar transformações profundas no comportamento humano

Tarde Nacional

No AR em 02/06/2020 - 17:31

A pandemia do novo coronavírus gerou transformações profundas na sociedade. Estudiosos afirmam que, mesmo com o desenvolvimento de uma vacina, o isolamento social e o impacto da saúde coletiva geram saldos que podem acompanhar o modo de vida de muitas gerações.

Segundo o filósofo, psicanalista e especialista em estudos da Mente Humana Fabiano de Abreu, essas transformações podem variar dependendo do nível de educação em cada país. Em entrevista ao Tarde Nacional desta terça-feira (02), ele afirmou que no Brasil, em comparação a Portugal, existe uma dificuldade da população para entender este novo momento.

Ouça no player abaixo:


“Aqui em Portugal a quarentena já acabou. Essa avaliação é interessante porque essa transformação tem vários fatores: o geográfico, porque não acumula pessoas em um grande centro; e o comportamental, porque as pessoas já faziam a quarentena antes de o governo dar ordem. No Brasil, além da pobreza, as pessoas não têm a mesma educação sobre o que fazer”, explicou.

 

Além do lado positivo da educação existem outros aspectos que podem ser negativos, como o excesso de informações. As pessoas estão sobrecarregadas, o que gera uma sensação de falta de propósito e insegurança quanto ao futuro. O filósofo afirmou que para lidar com este problema, vai ser preciso que a sociedade exercite o autoconhecimento.

 

“Eu percebi uma saturação coletiva pelo excesso de informações negativas. Isso satura porque o nosso mecanismo de sobrevivência é o bem-estar. Quando você tem um excesso de informações negativas, você não está liberando o prazer. Nessas horas é preciso buscar um momento para ficar sozinho, fazer uma retrospectiva e conhecer os seus limites”, sugeriu.

 

Mesmo com o desenvolvimento de uma cura, é necessário entender os impactos negativos e positivos que o coronavírus pode gerar no comportamento. Isso porque cuidar da saúde mental durante a pandemia ajuda a construir um propósito para o futuro da sociedade.

 

Criado em 02/06/2020 - 17:41

Mais do programa