Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Saiba mais sobre a anafilaxia: reação alérgica que pode matar

Semana Mundial da Alergia acontece de 13 a 19 de junho

Tarde Nacional

No AR em 15/06/2021 - 14:30

A Associação Brasileira de Alergia e Imunologia (ASBAI) criou recentemente o Registro Brasileiro de Anafilaxia, que irá permitir rastrear as manifestações clínicas da doença na população. Para alertar sobre essa reação alérgica que pode levar à morte acontece de 13 a 19 de junho, a Semana Mundial da Alergia. Sobre esse assunto, o Tarde Nacional conversou com Alexandra Watanabe, coordenadora do Departamento Científico de Anafilaxia da Associação Brasileira de Alergia e Imunologia (ASBAI).

Com o tema o “Anafilaxia – Esteja Ciente, Esteja Preparado, Salve Vidas”, a Semana é organizada pela Organização Mundial da Alergia e replicada pelas sociedades médicas associadas em todo o mundo. No Brasil, a campanha é realizada pela ASBAI. 

Segundo a médica, "não é fácil descobrir que uma pessoa é alérgica. É preciso investigar! São muitas as causas de alergia: alimentos, medicamentos, insetos. A porcentagem varia muito da causa. Felizmente, a anafilaxia é muito rara podendo ser leve, moderada e grave. Mas é preciso ter uma somatória de sintomas como: inchaço de pálpebras, parte respiratória com tosse, chiado, falta de ar. E na parte cardiovascular, a pessoa pode desmaiar e baixar a pressão. Já as alergias por medicamentos causam mais problemas cutâneos", esclarece a especialista.  

Confira a entrevista completa no player acima. E acompanhe aqui a programação.

Tags:  anafilaxia

Criado em 15/06/2021 - 19:52

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa