Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

PA: Levantamento aponta redução da criminalidade no interior do estado

O número de homicídios na região de Paragominas, que abrange cinco

Três tipos de crimes são levados em conta para avaliar a violência no estado: homicídio, latrocínio e roubo. Segundo os números da Secretaria de Segurança Pública, houve redução da criminalidade em dez das 15 regiões integradas do Pará, entre elas a de Paragominas, que abrange cinco municípios e onde os casos de homicídio caíram em 50% e de latrocínio, que é o roubo seguido de morte, em 14%, como detalha o superintendente da Polícia Civil da região, Cristiano Nascimento.

 

“Mãe do Rio e Paragominas, que já foi chamada de “Paragobala”, e hoje não. Mantém uma situação, um índice de homicídio baixíssimo. Então, não só a questão estrutural do município, mas principalmente esses índices de criminalidade vêm diminuindo consideravelmente”, disse.

 

Confira outros destaques do Jornal da Amazônia 1ª Edição

 

De acordo com o relatório da Segup, Belém ainda requer uma atenção maior para ver uma redução da criminalidade. Segundo a diretora do Núcleo de Gestão por Resultados da Segup, Eugênia Rebelo, o combate à violência não depende só da polícia.

 

“Podemos entender que as questões de segurança pública estão intimamente ligadas com as ações das forças policiais, mas também com ações voltadas à prevenção de caráter social e, para isso, a gente tem unidades integradas dentro do sistema de segurança pública já estruturadas, junto à Fundação Propaz, que visam justamente uma reta guarda na prevenção social da violência”.

 

Para o secretário de estado de Segurança Pública, Janot Jansen, ainda não há motivo para comemorar, embora os números tenham registrado uma queda de homicídios nas dez regiões do estado.

 

“Esse homicídio teve uma redução no mês de junho de 9%. É um dado bastante significativo, se comparado ao mesmo mês do ano passado. Isso para nós é um motivo de satisfação”, destacou.

 

Os dados da Secretaria revelam que houve redução de 71% no número de latrocínios na região de Abaetetuba, uma queda de 31% no número de homicídios na região de Tucuruí e de 27% no município de Breves.

 

Ouça, também, no Jornal da Amazônia 1ª Edição:

 

- Mosquiteiros com inseticida serão doados para moradores de localidades com alta incidência de malária no Amapá.

- Mato Grosso foi o segundo maior exportador de agronegócio em junho.

 

O Jornal da Amazônia 1ª Edição vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, na Rádio Nacional da Amazônia, uma emissora da Empresa Brasil de Comunicação (EBC).



Criado em 23/07/2015 - 12:52 e atualizado em 23/07/2015 - 21:11

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique