Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Justiça condena servidoras que se candidataram só para usufruir de licença

Servidoras municipais da cidade de Ermo, em Santa Catarina, foram condenadas por improbidade administrativa

Revista Brasil

No AR em 04/02/2020 - 10:41

Em 2016, duas servidoras municipais de Santa Catarina se candidataram a vereadoras apenas para usufruir da licença remunerada para atividades políticas. No Revista Brasil, Valter Lima conversou com Roberto Rollo, advogado especialista em Direito Eleitoral, que explicou o caso e a punição.

Ouça no player abaixo:


Roberto comentou que, infelizmente, isso é muito comum. É importante ficar de olho para que não ocorra.

 

"Na verdade, quando a lei fala em afastamento para poder ser candidato, é dado também aos servidores públicos a possibilidade de se submeterem ao voto popular. Ao mesmo tempo, a lei não quer que esse funcionário use as vantagens do cargo em prol da sua eleição, por isso que fala em afastamento remunerado", afirmou.

 

Revista Brasil vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 8h, pelas rádios Nacional AM Brasília e Nacional AM Rio, e às 6h (horário local) pela Rádio Nacional do Alto Solimões. Aos sábados, o programa vai ao ar às 8h pela rádio Nacional AM Brasília.  

 

Tags:  eleição

Criado em 04/02/2020 - 11:02

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa