Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Lei estabelece novas diretrizes em inquéritos envolvendo crianças e adolescentes vítimas de violência

Em vigor desde o dia 5 de maio, o texto prevê dois procedimentos para ouvir as crianças vítimas ou testemunhas de violência: a escuta especializada e o depoimento especial. 

Tarde Nacional

No AR em 02/05/2018 - 17:42

Sistema que pretende resgardar os direitos de crianças e adolescentes vítimas de violência em inquéritos nas redes de proteção recebeu novas diretrizes. A mudança está relacionada com a lei 13.431/2017, que busca prevenir a violência contra menores e estabelece medidas de proteção e procedimentos para tomada de depoimentos. Em vigor desde o dia 5 de maio, o texto prevê dois procedimentos para ouvir as crianças vítimas ou testemunhas de violência: a escuta especializada e o depoimento especial. 

A escuta especializada deve ser feita por órgão ligado a rede de proteção e o depoimento especial deve ocorrer quando a criança ou adolescente é ouvido perante a autoridade judicial ou policial. Itamar Gonçalves, gerente de advocacia da ONG Childhood Brasil, instituição que atua com a agenda de proteção da infância e adolescência no país, fala sobre a importância dessas novas diretrizes. Ouça a entrevista completa no player acima.

Com informações da Agência Brasil.

Tarde Nacional vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 13h, na Rádio Nacional de Brasília e na Rádio Nacional do Rio de Janeiro.

Criado em 02/05/2018 - 18:21

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa