Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Como lidar com os problemas na pele em tempos de coronavírus?

Soluções alternativas de higienização das mãos podem piorar a situação

Assinar podcast

Tarde Nacional

No AR em 06/04/2020 - 14:15

Por causa da pandemia mundial, a principal sugestão do Ministério da Saúde brasileiro é a utilização do álcool em gel para limpar as mãos quando não for possível lavar com água e sabão para evitar o contágio do coronavírus.

No entanto, com a escassez do produto nas lojas, a população tem buscado soluções alternativas de higienização, mas que nem sempre são seguras para a pele, como álcool para churrasqueiras, receitas caseiras e até água sanitária. Mas como os especialistas estão acompanhando este fenômeno? O contato da pele com a água sanitária pode causar feridas que pioram o risco de transmissão? O álcool líquido pode ressecar a pele? O uso contínuo de álcool é prejudicial?

Para esclarecer esses questionamentos e comentar mais sobre o assunto, o Tarde Nacional recebeu a dermatologista Iwyna França.

Ouça no player abaixo:


Iwyna explicou que a pele não está acostumada a produtos abrasivos, o que pode causar dermatites e feridas.

Ela ainda afirmou que o álcool em gel em excesso resseca a mão, tirando a oleosidade da pele

 

Criado em 06/04/2020 - 14:45

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa