Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Estresse da pandemia pode agravar a Síndrome do Intestino Irritável

O problema convive com desarranjos intestinais frequentes prisão de ventre e diarreia

Tarde Nacional

No AR em 09/09/2020 - 13:05

A Sindrome do Intestino Irritável foi o tema da conversa do Tarde Nacional com o Dr. Daniel Machado Baptista, médico gastroclínico do Centro de Doença Inflamatória Intestinal do Hospital 9 de Julho. A doença é caracterizada por dois sintomas principais: dor abdominal e alteração da frequencia e forma das fezes, essa alterações relacionadas a ansiedade exacerba os sintomas.

A manifestação desse distúrbio está diretamente ligada à saúde mental e esses sintomas podem ser desencadeados por questões emocionais. Segundo Dr. Daniel, a Sindrome faz parte de um conjunto de doenças intestinais denominadas doenças funcionais gastrointestinais. "Essas doenças se caracterizam por uma alteração nesse eixo cerebro-intestinal".

Ele explica que o sistema nervoso central controla diversas funções de todo o trato digestivo: secreções, motilidade, que é a capacidade do intestino de contrair, percepção de estímulos dos alimentos e da distenção por gases do próprio órgão. "Quando a gente tem uma alteração de qualquer um desses componentes isso predispõe a essas doenças funcionais", afirma. 

No período da pandemia, o médico relatou o aumento do número de casos. "Tenho visto muitos pacientes entrarem em crise e me procurarem por conta dessa queixa", revela. "É importante dizer que não existe nenhum exame que vai detectar pontualmente essa alteração." O médico ressalta que o fato de exames virem todos negativos não quer dizer que o paciente não tenha uma alteração que precise ser tratada.

Ouça a entrevista competa:

Tarde Nacional vai ao ar de segunda a sexta, no horário de 13h às 15h, pela Rádio Nacional de Brasília.

Criado em 09/09/2020 - 15:10

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa