Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

No Dia Mundial da Saúde, programa aborda atuação do SUS na pandemia

Criado há 33 anos, Sistema Único de Saúde do Brasil propicia a universalização, integralidade e equidade dos serviços para a população

Tarde Nacional

No AR em 07/04/2021 - 13:30

O Dia Mundial da Saúde é comemorado neste 7 de abril. A data coincide com a criação da Organização Mundial da Saúde (OMS), em 1948. O conceito de saúde definido pela OMS não é somente a ausência de enfermidades e sim: “um estado de completo bem-estar físico, mental e social e não somente a ausência de afeções e enfermidades”. Sobre esse assunto o Tarde Nacional desta quarta-feira (7) conversou com o membro da Mesa Diretora do Conselho Nacional de Saúde (CNS), pelo Segmento de Usuários, e integrante da Articulação Nacional de Luta contra a Aids (Anaids), Moysés Toniolo.

Na entrevista, o conselheiro do CNS afirma que é "importante que a gente possa neste dia 7 de abril, e diante de toda a pandemia, colocar mais uma vez em evidência esse Sistema Único de Saúde (SUS). Pois eu creio que se nós não tivessemos esse modelo de saúde pública. Talvez o Brasil já teria passado das 500 mil mortes seguramente. Porque ele (o SUS) foi o lastro para que a gente conseguisse organizar a rede de serviço, não só públicos mas com a parceria de serviços privados também. E pouca gente sabe disso. Que o SUS ainda paga serviços privados para ofertar ações à população", defende Moysés. 

Com a criação do SUS em 1988, toda a população brasileira passou a ter direito à saúde universal e gratuita, financiada com recursos provenientes de orçamentos da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos municípios. 

Confira a entrevista completa, no player acima. 

O Tarde Nacional vai ao ar, de segunda a sexta no horário de 13h às 15h, pela Rádio Nacional de Brasília.

Tags:  SUS COVID

Criado em 07/04/2021 - 19:18

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa