Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

RR: Presidente Michel Temer anuncia força-tarefa para acompanhar fluxo migratório de venezuelanos

O comitê de acompanhamento será coordenado pelas Forças Armadas e vai focar em aspectos humanitários e de segurança

Repórter Amazônia

No AR em 12/02/2018 - 19:05

Na tentativa de resolver a crise migratória de venezuelanos em Roraima, órgãos federais vão atuar em conjunto com o estado e municípios para atender a imigrantes e à população roraimense. Nesta segunda-feira (12), o presidente Michel Temer anunciou a criação de um comitê de acompanhamento, coordenado pelo governo federal.

Uma medida provisória deverá ser editada até quinta-feira determinando a instalação do comitê e determinando outras iniciativas para proteger os habitantes de Roraima, o território nacional e o respeito aos direitos humanos dos imigrantes

Temer também garantiu que todos os recursos necessários para solucionar o caso serão encaminhados para o grupo. O emedebista ainda afirmou que estuda maneiras de encaminhar os venezuelanos que estão em Roraima para outros estados brasileiros, para desafogar a região.

O comitê de acompanhamento será coordenado pelas Forças Armadas e vai focar em aspectos humanitários e de segurança. Entre as ações que serão adotadas estão: duplicação de efetivo militar nos postos de fronteira e dos postos de controle no interior do estado – especialmente na ligação entre Pacaraima, na fronteira com a Venezuela, e Boa Vista; instalação de um hospital de campanha; construção de um centro de triagem nos municípios da região; e reforço na vigilância de fronteira.

Também são destaques do Repórter Amazônia dessa segunda-feira, 12:

- Segurados do INSS têm até o dia 28 para realizar comprovação de vida

- Estudantes do Pará desenvolvem madeira a base sacolas plásticas

- Galo da Madrugada de Recife inspira blocos pela Amazônia

Mais do programa