Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Perícia trabalha com hipótese de curto-circuito como causa do incêndio no CT do Flamengo

A Prefeitura do Rio afirma que vai determinar investigação para apurar responsabilidades no processo de licenciamento do Ninho do Urubu.

Repórter Nacional

No AR em 08/02/2019 - 19:18

A Prefeitura do Rio afirma que vai determinar investigação para apurar responsabilidades no processo de licenciamento do Ninho do Urubu. A perícia trabalha com a hipótese de um curto-circuito em um dos aparelhos de ar condicionado como a principal causa do incêndio no Centro de Treinamento do Flamengo, o Ninho do Urubu, que matou dez pessoas e feriu três na madrugada desta sexta-feira. As chamas atingiram o alojamento da categoria de base do clube, onde dormiam jogadores entre 14 e 17 anos.

O vice-governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, que acompanhou os trabalhos da perícia, disse, no entanto, que é muito cedo para confirmar as causas da tragédia. O vice-governador informou que o fogo começou às 5h14 e às 5h17 o corpo de bombeiros foi acionado. Às 6h30 o incêndio já tinha sido completamente controlado.

Castro adiantou que existe a preocupação de trazer as famílias das vítimas para a cidade, já que muitas moram fora do estado. Para isso, as companhias aéreas estão sendo acionadas.

Na porta do Ninho do Urubu, o presidente do Flamengo Rodolfo Landim disse que essa é a maior tragédia pela qual o clube já passou e ressaltou que todos estão colaborando para que as causas do incêndio sejam esclarecidas. Os atletas estavam alojados em um container e seriam transferidos na semana que vem para acomodações mais modernas.

Também são destaques do Repórter Nacional Edição das 18h:

 - Bolsonaro assina decreto que antecipa benefícios a atingidos pelo rompimento da barragem em Brumadinho;

- Ministro do STF, Dias Toffoli, pede apuração de relatório da Receita sobre Gilmar Mendes;

- Governador do Pará quer impedir que barragens como as de Brumadinho e Mariana sejam construídas no estado

Criado em 08/02/2019 - 19:21

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa