Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Momento Literário traz a literatura de Patativa do Assaré

Poeta capaz de transitar entre sonetos na forma clássica e a poesia de rima e métrica populares

Assinar podcast

Antena MEC

No AR em 23/06/2020 - 18:00

Ele é um dos principais nomes da poesia e da música nordestina: Antônio Gonçalves da Silva, ou Patativa do Assaré.

O poeta nasceu em 5 de março de 1909 em Assaré, no Ceará. Aos 12 anos frequentava a escola da cidade, foi alfabetizado, mas ficou por poucos meses. Foi nessa época que passou a fazer repentes e a se apresentar em festas e eventos importantes. O apelido Patativa veio aos 20 anos numa comparação da poesia que fazia com a beleza do canto do pássaro que leva esse nome.

Seu talento para recitar e escrever chamou a atenção de muita gente e foi assim que publicou o primeiro livro inspiração nordestina, em 1956. Este livro teria uma segunda edição onze anos depois e se chamaria Cantos do Patativa. Em 1964, tem seu poema Triste Partida gravado pelo cantor Luiz Gonzaga, o que lhe conferiu grande projeção nacional.

Seus versos conquistaram o Brasil e Patativa do Assaré ganhou uma fama que ele mesmo não reconhecia, apesar dos prêmios recebidos e das homenagens.

Criado em 23/06/2020 - 10:24

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa