Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Justiça cobra plano de desocupação de garimpo no Mato Grosso

União e Governo Estadual têm 15 dias para retirar garimpeiros e isolar

O governo de Mato Grosso (MT) foi notificado sobre a decisão judicial que determina a desocupação e o isolamento do garimpo ilegal instalado na Serra da Borda, próximo ao município de Pontes de Lacerda.

 

A partir da notificação, a Justiça Federal deu 15 dias de prazo para que a União e o estado de Mato Grosso apresentem um plano de desocupação da área, e medidas para evitar o retorno dos garimpeiros.

 

Saiba mais:

 

Força Nacional vai ajudar na desocupação de garimpo ilegal no MT

 

De acordo com informações do governo mato-grossense, as forças estaduais aguardam o planejamento operacional do Ministério da Justiça e, também, do Ministério da Defesa para cumprir a ordem judicial.

 

Os crimes cometidos na região do garimpo vão ser investigados pela Polícia Civil do Mato Grosso. Já a Polícia Militar deve aumentar a fiscalização na área com ações voltadas para a apreensão de drogas e outros produtos ilícitos.

 

O garimpo ilegal na  Serra da Borda, em Pontes de Lacerda, chegou a atrair cinco mil pessoas entre garimpeiros profissionais e aventureiros. No dia 16 de outubro, o juiz Francisco de Moura Júnior, da Justiça Federal em Cárceres, decretou o fechamento do local. Em novembro houve a primeira tentativa de desocupação.

 

Confira, ainda, no Jornal da Amazônia 2ª Edição desta quinta-feira (31):

 

- Policiais rodoviários reforçam a fiscalização nas estradas do Maranhão.

- Em Marabá, Operação Ano Novo cumpre apenas serviços essenciais.

E mais:

- Festas de fim de ano animam a noite por toda Amazônia Legal.

 

O Jornal da Amazônia 2ª Edição vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 12h20, na Rádio Nacional da Amazônia, uma emissora da Empresa Brasil de Comunicação (EBC).



Criado em 04/01/2016 - 11:23 e atualizado em 04/01/2016 - 09:25

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique