Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Agência Lupa promove oficinas presenciais de checagem e de produção de conteúdo

Segundo diretor de marketing e educação da agência de checagem de informação, foram mais de 470 inscrições em todo o país. Na entrevista, ele fala mais sobre os impactos das fake news

Nacional Jovem

No AR em 16/03/2020 - 16:00

Já pensou em ser um checador de notícias e ainda ganhar por isso? A Agência Lupa (a primeira agência de fact-checking do Brasil) receberá 100 jornalistas americanos e brasileiros, além de estudantes dejornalismo para um treinamento, a partir de agosto, em diversas capitais do país. Em entrevista à Ediléia Martins, o diretor de marketing e educação da Lupa, Douglas Silveira, disse que foram distribuídas 20 vagas para cada região. Com apoio do Consulado Americano e da Embaixada dos EUA, a duração do programa deve chegar a 9 meses. Desde janeiro, eles estão com aulas online. Confira aqui os aprovados.

Segundo Douglas, todos os participantes receberão um certificado. Ao final do curso, 5 vencedores, 1 de cada região, irão para os EUA por 1 semana com tudo pago. Em breve, estarão abertas as inscrições para a participação de jornalistas ouvintes. No papo, ele fala também sobre como identificar notícias falsas e qual o papel da agência.

De acordo com o jornalista, o objetivo da Agência Lupa é combater a desinformação. "Nosso trabalho é checar discursos de políticos, de instituições, mas também conteúdo ligados a saúde, cultura e esporte. E mostrar aos nossos leitores, a partir de dados públicos, as informações devidamente checadas e creditadas com as fontes".

Principalmente na área de saúde, quais são as consequências das fake news? Esse termo, aliás, é para ele um contrasenso, um desserviço ao trabalho do próprio jornalista. Douglas prefere chamar de desinformação ou conteúdo falso. "O que a gente entende por fake news é todo aquele conteúdo que foi criado com objetivo de manipular o discurso público, o leitor. E necessitam de todo o cuidado antes de se compartilhar a informação. No caso do coronavírus, por exemplo, busque informações que venham do seu país e não da China ou da Itália, que são de outra realidade. Na dúvida: não compartilhe", complementa ele.

Para as Eleições 2020, Douglas mencionou que haverão checadores locais durante o processo eleitoral devidamente remunerados pela Agência Lupa. Vale lembrar que no dia 2 de abril, comemora-se o Dia Internacional da Checagem.

O programa Nacional Jovem vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 16h, na Rádio Nacional da Amazônia, e às 15h, na Rádio Nacional do Alto Solimões

Criado em 16/03/2020 - 18:49 e atualizado em 16/03/2020 - 18:43

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa