Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Indígenas deixam prédio da Funai em Atalaia do Norte

O atendimento da instituição no município amazonense será normaliza

Erramos: as informações contidas nesta matéria foram retificadas. Os indígenas permanecem na sede da Funai. Leia: Indígenas permanecem na sede da Funai de Atalaia do Norte

 

Após cerca de 40 dias, indígenas das etnias Matis, Marubos, Kanamaris entre outros deixaram na manhã dessa terça-feira (16) o prédio da Fundação Nacional do Índio (Funai), em Atalaia do Norte, no Amazonas. O acordo foi feito na segunda-feira (15), entre as lideranças indígenas e o presidente da Funai, João Pedro Gonçalves.

 

Decidiram também que em 60 dias tomará posse o novo coordenador local, durante esse período, ficará a frente do órgão um servidor público concursado pela Funai.

 

O atendimento da instituição no município, normaliza nesta quarta-feira, dia 17 de fevereiro.

 

O caso começou quando um grupo de indígenas matis, marubos, entre outros da região do Vale do Javari, invadiram no dia (19) de janeiro, o prédio da Funai. Com arcos e flechas, eles retiraram à força funcionários e o coordenador do órgão na região, Bruno Pereira.

 

Eles queriam a exoneração de Bruno Pereira, a escolha de um indígena para o cargo, transparência e agilidade em questões territoriais entre os indígenas do Vale do Javari.

 

O Repórter Solimões vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 18h45 (horário de Tabatinga), na Rádio Nacional do Alto Solimões (96,1 FM), uma emissora da Empresa Brasil de Comunicação (EBC).



Funai determina 60 dias para escolha de novo coordenador em Atalaia do Norte

Criado em 17/02/2016 - 09:45 e atualizado em 18/02/2016 - 09:11

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa