Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Herdeiros têm dificuldades de manter empresas familiares

Marcos Sardas, Conselheiro de empresas, explica o porquê desse fenômeno e como lidar com ele

Revista Brasil

No AR em 02/12/2019 - 11:35

Segundo o balanço feito pela PwC em 2018, as empresas familiares são 90% dos 19 milhões de empreendimentos brasileiros, porém enfrentam dificuldades na hora de passarem o bastão da primeira à segunda geração. Ainda segundo o PwC, em nova pesquisa realizada este ano, 71,7% destas empresas sobrevivem sendo assumidas pelos herdeiros, mas com o tempo, a quantidade de familiares dentro dos negócios diminui: 28,7% na terceira geração e apenas 5,7% na quarta geração.

O Revista Brasil conversou com o conselheiro empresarial  Marcos Sardas para entender melhor os problemas enfrentados nas empresas familiares e como superá-los.

Ouça a entrevista completa:

Para ele a "maioria das empresas familiares começaram com interesses e propósitos comuns, com forte afinidade pessoal entre irmãos, ou de complementação de capacitações entre os acionistas. Depois, quando a corporação passa para a segunda geração, aparecem muitos conflitos, pois os interesses pessoais não são os mesmos dos fundadores."

Revista Brasil vai ao ar de segunda a sexta, às 8h, pelas rádios Nacional AM Brasília e Nacional AM Rio, e às 6h (horário local) pela Rádio Nacional do Alto Solimões. Aos sábados, o programa vai ao ar às 8h pelas rádios Nacional AM Brasília.  

Criado em 02/12/2019 - 14:04

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa