Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Spinraza: remédio de alto custo é assegurado pela Justiça para criança na Bahia

Medicação é recomendada para o tratamento de Atrofia Medular Espinhal (AME)

Revista Brasil

No AR em 26/01/2021 - 09:41

 A Justiça Federal de Juazeiro, na Bahia, determinou à União e ao Estado da Bahia que forneçam a medicação Spinraza a uma criança com Atrofia Medular Espinhal (AME). Mesmo com o remédio sendo oferecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS), a advogada criminalista Daniela Tamanini precisou ajuizar uma ação para que o pequeno Andrei tivesse acesso.

Saiba mais no player acima.

SUS

Por já estar incorporado ao SUS, o Estado é obrigado a fazer o custeio do Spinraza.

O medicamento é de alto custo e precisa ser ministrado pelo resto da vida. No primeiro ano, o valor é de aproximadamente R$ 1,8 milhão. Depois são necessárias doses a cada quatro meses, de R$ 145 mil.

Daniela ressaltou que será aplicada uma multa diária de R$ 3 mil por cada dia que não for cumprida a decisão, que é passível de revisão, mas tem cumprimento imediato.

 

"A nossa luta é para que o governo dê a atenção necessária a essa doença", afirmou.

AME

A Atrofia Medular Espinhal é uma doença neurodegenerativa, hereditária, que resulta numa fraqueza progressiva dos músculos e a consequente atrofia.

A causa da doença é a mutação do gene SMN1, responsável pela produção de uma proteína essencial para a sobrevivência dos neurônios motores.

 

"Uma vez que ataca esses neurônios que são essenciais, ela acaba gerando a morte por falência respiratória", afirmou.

 

Revista Brasil vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 8h, pelas rádios Nacional Brasília e Nacional Rio, e às 6h (horário local) pela Nacional Alto Solimões. Aos sábados, o programa vai ao ar às 8h pela rádio Nacional Brasília.

Criado em 26/01/2021 - 10:27

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa