Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Como controlar a raiva durante a pandemia?

Distanciamento social gerou mais estresse na população, mas com as estratégias certas é possível controlar o impacto das emoções negativas

Tarde Nacional

No AR em 30/09/2020 - 17:29

Com o isolamento social e a pandemia de coronavírus, a população está mais estressada. Brigas dentro de casa se tornaram comuns e o impacto dessa negatividade afeta pessoas de fora da família, gerando brigas entre vizinhos, no trânsito e até mesmo nas filas de supermercado.

Segundo Patrícia Santos, consultora em desenvolvimento humano, palestrante e coautora do livro Raiva, quem não tem? – Guia de gerenciamento da raiva, o medo do isolamento e a qualidade do sono são peças fundamentais para explicar a irritabilidade durante a pandemia.

Saiba mais no player abaixo:


“Fora o medo, tem a questão de as pessoas não estarem dormindo bem. Quando ficamos muito tempo em isolamento, apresentamos ansiedade, estresse e insônia. E não dormir bem faz a pessoa ficar mais irritada no dia seguinte por conta do nível de cortisol, hormônio do estresse, que deixa a agressividade mais apurada”, explicou.

 

Outro fator interessante é que a raiva pode ser separada por níveis, indo de 0 a 10 e passando pelo estado de calmaria, irritação, ira, raiva e o mais temido: a fúria. Segundo a consultora, a raiva dá a capacidade de corrigir erros e auxiliar no processo de autoconhecimento.

 

“A raiva faz bem pro autoconhecimento, entender o que está acontecendo, para poder se superar. Se foi mal em uma prova, pode ficar com raiva, mas com motivação para estudar mais, posso ficar com raiva do concorrente, mas melhorar o meu negócio. Todos os líderes mundiais, como Gandhi, tiveram momentos de raiva, mas não usaram a agressividade para superar. Eles usaram estratégia”, afirmou.

 

Para melhorar a convivência com a família ou desconhecidos, também é importante tratar a raiva com menos significado. Ao invés de explodir com a outra pessoa, sair do local e respirar fundo é a melhor opção.

Controlar a raiva durante a pandemia pode ser uma tarefa difícil, mas manter uma boa qualidade de sono, repensar atitudes e praticar exercícios físicos são estratégias que auxiliam no combate às emoções negativas.

Criado em 30/09/2020 - 17:33

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa