Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Abajur Lilás, de Plínio Marcos, ganha nova montagem

Nello Marreze dirige espetáculo escrito em 1969 e censurado na ditadura

Assinar podcast

Arte Clube

No AR em 06/12/2018 - 19:12

A peça Abajur Lilás, de Plínio Marcos, ganha nova montagem, com direção de Nello Marreze. A peça conta a história de um grupo de prostitutas, exploradas por um cafetão inescrupuloso e seu capataz violento. A encenação aproxima o público da montagem, rompendo a divisão entre plateia e a cena. 

O diretor Nello Marreze deu entrevista ao Arte Clube e falou sobre a importância do texto, que aborda o embate entre opressor e oprimido e a alternância de posição entre eles. 

Marreze também contou sobre as peseguições sofridas por Plínio Marcos durante a ditadura militar e seu encontro inusitado com o autor. "Quando eu comecei a fazer teatro em São Paulo, há 28 anos - eu sou de lá, era um garoto - lembro daquele homem de chinelo, barbudo, mal vestido, com um gorrinho na cabeça e cheio de livrinhos. Eu era um garoto e comprei um volume do Abajur Lilás", conta.

Ouça a entrevista completa:

 

Abajur Lilás

Serviço:
DATAS EXTRAS: 7 (SEXTA), 8 (SÁBADO) E 9/12 (DOMINGO)
Horário: 20h
Local: Teatro Gláucio Gill – Espaço da Secretaria de Cultura de Estado - FUNARJ
Endereço: Praça Cardeal Arco Verde s/nº – Copacabana 
Tel: 2332.7904 
Lotação: 50 lugares
Duração: 70min
Ingressos: R$40,00 (inteira) e R$20,00 (meia)
Vendas online: Ingresso Rápido
Classificação etária: 16 anos

Tags:  teatro

Deseja fazer algum tipo de manifestação?

Favor copiar o link do conteúdo ao apresentar sua sugestão, elogio, denúncia, reclamação ou solicitação.

Criado em 06/12/2018 - 19:14

Mais do programa