Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Ministro debate criação de tabela com preços mínimos para frete

Blairo Maggi diz que não considera viável o tabelamento em um país como o Brasil

Repórter Nacional

No AR em 08/08/2018 - 07:00

A criação de uma tabela com preços mínimos para o frete no transporte rodoviário de cargas voltou à cena nessa terça-feira (7). O ministro da Agricultura, Blairo Maggi, voltou a criticar a tabela de frete mínimo para o transporte de cargas.

O presidente Michel Temer tem até o dia 14 de agosto para sancionar a Medida Provisória que criou a política de frete mínimo para o transporte rodoviário de carga no país.

A medida é parte do acordo entre o governo e os caminhoneiros. Ela estava entre as principais reivindicações da categoria durante a greve em maio.

No entanto, o ministro Blairo Maggi se mostrou preocupado com a fixação com a criação do preço mínimo para o frete.

A tabela de frete mínimo chegou até o Supremo Tribunal Federal, após várias entidades entrarem na justiça contra a medida.

A disputa judicial sobre o tema está a cargo do ministro Luiz Fux que suspendeu todas as ações que questionavam a MP e convocou audiência entre o governo e caminhoneiros para tentar chegar a um acordo.

Ouça no Repórter Nacional:

- Câmara aprova duas medidas provisórias negociadas pelo governo com caminhoneiros

- Receita Federal abre hoje consulta ao terceiro lote do imposto de renda

- Governo de Roraima quer levar ao plenário do STF pedido de fechamento da fronteira com a Venezuela



 

Tags:  Frete Caminhão

Mais do programa