Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

MPT quer mais combate ao trabalho escravo

O Ministério Público do Trabalho quer políticas para evitar que imigrantes venezuelanos sejam recrutados para serviços em condições precárias, análogas à escravidão

Revista Brasil

No AR em 16/03/2018 - 14:04

O Revista Brasil conversou com Cristiane Sbalqueiro, Procuradora do Trabalho e Coordenadora do Grupo de Trabalho Migrações do Ministério Público do Trabalho (MPT).

Segundo ela, o país tem aplicado os conhecimentos adquiridos na criação de empregos para imigrantes haitianos na solução de problemas dos venezuelanos.

Ela frisa também que todos os imigrantes necessitam de informações sobre as leis trabalhistas, salário, moradia, carga de trabalho e também sobre a Lei Maria da Penha, porque o Brasil hoje não tolera mais determinadas atitudes.

Ouça a entrevista completa no player.

 

O MPT apurou que, na questão do Haiti, faltava intermediação pública, de acordo com Cristiane.

A procuradora reitera que é preciso capacitar também as pessoas que acolhem os imigrantes.

Revista Brasil vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 8h, na Rádio Nacional BrasíliaRádio Nacional Rio de JaneiroRádio Nacional Amazônia e, às 6h, na Rádio Nacional Alto Solimões.  

 

Mais do programa