Simples Nacional: prazo para pequenas empresas termina na próxima semana

Até a próxima sexta-feira (30), as empresas com faturamento anual de até R$ 3,6 milhões poderão optar pelo regime tributário
NÃO USAR
NÃO USAR NÃO USAR

Até a próxima sexta-feira (30), as micro e pequenas empresas brasileiras, com faturamento anual de até R$ 3,6 milhões, podem optar pelo Simples Nacional, regime de tributação que unifica o pagamento de oito tributos em um documento único de arrecadação, além de reduzir a carga tributária e a burocracia.
 
Confira outras edições do Revista Brasil
 
Para falar sobre o assunto, o programa Revista Brasil entrevistou o presidente da Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas (Fenacon), Mário Berti, que falou aos ouvintes da Rádio Nacional de Brasília como funciona o Simples Nacional e de que forma as empresas poderão fazer a opção pelo regime de tributação.
 
Mário Berti explicou que o Simples Nacional é uma conjunção de vários impostos federais, estaduais e municipais. Isto é, com uma única alíquota incidente sobre o faturamento das empresas de pequeno porte, o empresário pode pagar, com uma burocracia bem menos intensa, todos os seus impostos.
 
O presidente da Fenacon ressaltou que o Simples Nacional é bem mais vantajoso para a maioria das pequenas empresas do país. Isso porque, com apenas uma quantia mensal, chamada de Darci, a empresa pode pagar todos os seus tributos. Além disso, ela tem algumas vantagens em créditos, especialmente aqueles voltados para este tipo de segmento, além da possibilidade de obter privilégios nas licitações públicas e dispensa de algumas obrigações acessórias comuns às empresas formais.
 
Confira a íntegra da entrevista nesta edição do Revista Brasil.
 
O programa vai ao ar de segunda a sábado, às 8h, na Rádio Nacional de Brasília, uma emissora da Empresa Brasil de Comunicação (EBC). A apresentação é do jornalista Valter Lima.

Produtor
Eliana Sousa
Revista Brasil
em
23/01/2015 - 09:54
atualizado em
23/01/2015 - 11:30