Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Movimento Orgulho Autista Brasil comemora 10 anos

O movimento surgiu em 2005, em um encontro de pais de pessoas com

O presidente do Movimento Orgulho Autista Brasil, Fernando Cotta, diz que após tomar conhecimento do Dia do Orgulho Autista nos Estados Unidos, ele se reuniu com algumas pessoas e fizeram uma blitz de panfletagem, abordando as pessoas e passando contatos para simplesmente divulgar a questão.

 

Mas a surpresa foi enorme porque as pessoas ligavam e foi assim que surgiu o MOAB, com a colaboração de muitos pais de autistas e simpatizantes da causa. O movimento ganhou corpo, muitas atividades foram desempanhadas, inclusive junto ao legislativo local e federal. Primeiro, foram criadas as lei muncipais e estaduais voltadas ou para pessoas com deficiência de uma maneira geral ou com autismo e por último a lei federal.

 

Agora, a luta é tirar essas leis do papel e transformar isto em realidade. Já se conseguiu melhorar a qualidade de vida de muita gente, mas ainda há muito o que conquistar.

 

Confira as informações sobre o assunto nesta entrevista ao Revista Brasília, com o jornalista Miguelzinho Martins, na Rádio Nacional de Brasília. O programa vai ao ar de segunda à sexta-feira, às 10h.