Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Peça “O Clássico Êxodo” critica sistema de transporte carioca

Espetáculo Coletivo Arame Farpado trata dos problemas nos ônibus do Rio

Assinar podcast

Arte Clube

No AR em 12/03/2020 - 16:58

O Coletivo Arame Farpado, vencedor do 8º Prêmio Questão de Crítica, chega aos palcos do Sesc Copacabana com a nova peça, O Clássico Êxodo, uma representação artística com reflexões acerca da mobilidade urbana e do transporte na cidade do Rio de Janeiro.

Nascido em 2017, o grupo decidiu abordar o complexo tema na vida dos cariocas, que sofrem diariamente com atrasos, má conservação e escassez nas frotas e linhas de coletivos da cidade.

“O Clássico Êxodo” também tem a participação do Coletivo Cafuné na Laje. Em parte do espetáculo, uma das atrizes se atrasa por causa do transporte público. Unindo teatro, tecnologia e redes sociais, ela é acompanhada pelo grupo, enquanto faz uma intervenção ao vivo de dentro de um ônibus.

Com a consciência de que o problema vai além das questões cotidianas, o diretor Phellipe Azevedo falou ao Arte Clube sobre a peça, que aborda também a CPI dos ônibus e a questão do monopólio do setor. Clique no player e ouça a entrevista.

 

O Clássico Êxodo
De quinta a domingo, às 18h
INGRESSOS: R$ 7,50 (associados do Sesc), R$ 15,00 (meia entrada), R$ 30,00 (inteira)
DURAÇÃO: 70 minutos
CLASS. ETÁRIA: 16 anos
TEMPORADA: Até 29 de março
LOCAL: Multiuso do Sesc Copacabana – Rua Domingos Ferreira, 160 – Copacabana/RJ

Criado em 12/03/2020 - 18:55

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa