Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Na Trilha da História destaca a Guerra de Independência na Bahia

Historiador Sérgio Guerra Filho narra a luta travada em 1823 para expulsar os últimos portugueses do território baiano e ajudar a concretizar a independência do Brasil

Na Trilha da História

No AR em 14/09/2020 - 12:49

O Na Trilha da História desta semana detalha um capítulo importante no processo de independência do Brasil: as batalhas para expulsar os últimos portugueses do território baiano. O convidado deste episódio é o historiador Sérgio Guerra Filho, doutor em História pela Universidade Federal da Bahia (Ufba) e professor do departamento de História da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB).

Durante a entrevista, Sérgio explicou que Portugal não aceitou de forma pacífica a decisão do Brasil de se tornar um país independente. Foram travadas verdadeiras batalhas para romper definitivamente os laços com a antiga metrópole. O processo de separação que se iniciou em 7 de setembro de 1822 com o grito do Ipiranga só foi concluído cerca de um ano mais tarde. Uma data marcante é 2 de julho de 1823, quando os portugueses deixaram definitivamente a Bahia.

Retrato de Maria Quitéria, por Domenico Failutti, heroína da Guerra de Independência na Bahia

Os enfrentamentos foram marcados pela intensa participação do povo. Valentes baianas, como Maria Quitéria e Maria Felipa, foram para a linha de frente e, até hoje, duzentos anos depois dos combates, ainda são celebradas na memória e nos festejos populares como grandes heroínas da Guerra de Independência.

Trilha Sonora

Confira a lista de músicas deste episódio: “Você já foi à Bahia?” (composição de Dorival Caymmi, na interpretação dos filhos Nana, Dori e Danilo Caymmi), “Eu gosto de ser baiano” (composição e interpretação de Moraes Moreira), “Eu vim da Bahia” (composição de Gilberto Gil / interpretação de Gilberto Gil e Caetano Veloso), “Bahia berço do Brasil” (composição de Baianinho e Eládio Gomes Dos Santos / interpretação de Jorge Benjor), “Reconvexo” (composição de Caetano Veloso e interpretação de Maria Bethânia), “Canto da Massa” (composição de Pierre Onasis e interpretação de Margareth Menezes); “Hino ao 2 de Julho” (composição de Ladislau dos Santos Tita / interpretação de Carlinhos Brown e da Orquestra Sinfônica da Bahia).

Conheça o Na Trilha da História

Atenção para mudanças nos horários do programa:

Em razão da crise do coronavírus, Nacional do Rio e a Nacional da Amazônia estão veiculando uma programação especial. Quando a situação voltar à normalidade, o Na Trilha da História voltará ao horário normal nessas emissoras. Confira a grade de transmissão para esta semana:

Sábado, 11h: Rádio Nacional FM Brasília 96,1 MHz, com reprise na quinta-feira, às 22h;

Sábado, 11h: Rádio Nacional de Brasília AM 980 kHz; com reprise no domingo, às 11h;

Domingo, 11h: Rádio Nacional Rio de Janeiro 1.130kHz;

Sábado, 7h: Rádio MEC do Rio 800kHz, com reprise no domingo, às 7h;

Quinta, 22h: Rádio MEC FM Rio 99,3 MHz;

Sábado, 11h (horário de Brasília): Rádio Nacional da Amazônia 11.780kHz e 6.180kHz em rede com a Rádio Nacional do Alto Solimões AM 670 kHz, FM 96,1 MHz, com reprise no domingo, às 11h.

O Na Trilha da História é apresentado pela jornalista Isabela Azevedo. Sugestões para o programa podem ser enviadas para culturaearte@ebc.com.br. Caso queira receber notícias do programa pelo WhatsApp, envie uma mensagem para (61) 98375-4918.

Os áudios do Na Trilha da História podem ser disponibilizados para retransmissão, sem fins comerciais, por meio da licença Creative Commons CC BY-NC-ND. Esta licença permite que os programas sejam retransmitidos desde que não sejam editados e mantenham o crédito da Rádio Nacional e da Rádio MEC - Empresa Brasil de Comunicação (EBC). Em caso de interesse, basta enviar um e-mail para culturaearte@ebc.com.br.

 

Criado em 14/09/2020 - 14:29 - Episódio Na Trilha da História - Guerra de Independência da Bahia

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa