Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Brasil mira 100ª medalha de ouro na Paralimpíada de Tóquio

Secretário nacional de Paradesporto fala ao Revista Brasil sobre as metas da delegação brasileira em Tóquio

Revista Brasil

No AR em 23/08/2021 - 09:55

Nesta terça-feira (24), começa em Tóquio mais uma edição da Paralimpíada. E, direto do Japão, Agtônio Guedes Dantas, secretário nacional de Paradesporto do Ministério da Cidadania e treinador da seleção feminina de vôlei sentado, detalhou as metas da nossa delegação e a expectativas de medalhas. 

Dantas reforça que o Brasil está com a maior delegação da história em uma missão fora do Brasil: são 232 atletas, superando o número dos Jogos de Londres, em 2012, quando o Brasil levou 178 competidores. A maior delegação paralímpica da história foi em 2016, nos Jogos do Rio, quando o Brasil foi país-sede e garantiu vaga em todas as modalidades, sendo representado por 286 atletas.

O maior objetivo é que o país permaneça entre os 10 países mais bem posicionados no quadro de medalhas, repetindo os resultados do Rio (quando ficou em oitavo) e de Londres (sétimo lugar). Outra expectativa é pela conquista da 100ª medalha de ouro do Brasil em Jogos Paralímpicos: atualmente, o país contabiliza 87 medalhas de ouro, com perspectiva de alcançar a marca em Tóquio. Na Paralimpíada do Rio, foram 14 medalhas de ouro. 

Outro dado trazido pelo secretário é que 95,7% dos atletas da delegação (o que dá 222 atletas) tem o apoio do Bolsa Atleta, programa do governo federal. O investimento do governo neste ciclo paralímpico chega a R$ 74 milhões.

Revista Brasil vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 8h, pelas rádios Nacional AM Brasília e Nacional AM Rio, e às 6h (horário local) pela Rádio Nacional do Alto Solimões. Aos sábados, o programa vai ao ar às 8h pela rádio Nacional AM Brasília.

 

Criado em 23/08/2021 - 10:54

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa