Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Estudo revela como a pandemia da covid-19 tem afetado a saúde mental de gestantes e puérperas

Primeira pesquisa brasileira sobre ansiedade materna revela que o transtorno atinge 23,5% das gestantes em níveis moderado a grave

Tarde Nacional - Amazônia

No AR em 12/04/2021 - 13:30

O Tarde Nacional - Amazônia desta segunda-feira (12) falou sobre um estudo brasileiro inédito que revela como a pandemia tem afetado a saúde mental das gestantes e puérperas. Com foco no índice de ansiedade materna, a pesquisa entrevistou 1.662 mulheres, de dez cidades brasileiras, e constatou que 23,5% das gestantes apresentaram níveis moderado e grave de ansiedade. Na população geral, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), os sintomas de ansiedade generalizada atingem 7,7% das brasileiras. 

Sobre esse trabalho, Juliana Maya conversou com a coordenadora da pesquisa, professora e obstetra Roseli Nomura que afirmou que o aumento da ansiedade materna está diretamente relacionado ao medo de se contrair o coronavírus além do medo dessas grávidas ficarem desacompanhadas durante o parto.

Segundo Roseli, "o estudo foi feito ano passado, na primeira onda da covid. A gente começou a delinear o estudo em abril/maio. Ia ser um estudo mais local, inicialmente. Mas depois demos preferência a fazer um estudo nacional. O estudo foi feito em dez cidades e todas as regiões do Brasil para se ver um impacto do país como um todo", relembra a entrevistada. 

O trabalho contou ainda com a participação de professores universitários e médicos residentes treinados para a realização do estudo e em como orientar as mulheres nas eventuais dúvidas sobre a gestação. 

Ouça a entrevista completa no player acima.

Tarde Nacional - Amazônia vai ao ar de segunda a sexta-feira, das 13h às 15h, na Rádio Nacional da Amazônia.

Tags:  grávidas COVID

Criado em 12/04/2021 - 16:22

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa