Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Capacitação prepara mulheres desempregadas ou em transição de carreira para trabalhar com chatbots

Inscrições gratuitas terminam no dia 25 de janeiro, quando começará o treinamento 100% online. Segundo especialista na área, já são mais de 5 mil inscritas

Tarde Nacional

No AR em 22/01/2021 - 15:30

Uma capacitação online prepara mulheres desempregadas ou que desejam mudar de carreira para trabalhar com chatbots e Inteligência Artificial (IA). As inscrições gratuitas terminam no dia 25 de janeiro, quando começa o treinamento online. O objetivo é treinar, gratuitamente, mulheres de todas as idades, profissões e classes sociais.

Para falar mais sobre esta seleção, o Tarde Nacional desta sexta-feira (22) conversou com o especialista em chatbots, fundador da LetsBot - escola de bots, que são aqueles assistentes virtuais que dialogam automaticamente com o público, Bruno Fazoli. Sobre o Capacita MDT, ele explica o que são esses assistentes virtuais.

"Os chatbots são robôs de conversa, que ajudam as empresas a executarem algum tipo de ação. Chatbot nada mais é do que o nome da tecnologia em si que pode ou não utilizar inteligência artificial para criar esses assistentes virtuais, que simulam uma conversa humana para ajudar as empresas. E hoje em dia, vemos muitos assistentes virtuais conversando com a gente pelo WhatsApp, pelo telefone - que são os assistentes virtuais através do voz, nos sites. Então, isso ganhou uma força muito grande em 2019 quando o próprio WhatsApp começou a abrir os serviços para a gente conseguir criar esses sistemas dentro dele. E em 2020, durante a pandemia, aconteceu esse boom", esclarece Bruno, que prevê ainda um crescimento de 30% ao ano, deste tipo de serviço, até 2024. 

Com o mercado predominantemente masculino na área de tecnologia, o especialista e as empresas parceiras se fizeram a pergunta de como reverter isso. Faltam mulheres ou faltam oportunidades? Pensando nisso que eles criaram o programa para estimular as mulheres a entrarem nessa área. O treinamento é realizado em quatro fases, de forma 100% online, com um conteúdo por dia e lives de acompanhamento com mentores que trabalham nessas empresas parceiras. Segundo o especialista, já são 5 mil mulheres inscritas. "Mas não colocamos limites. Depois de três etapas, há uma fase de recrutamento e seleção em que essas mulheres - muitas que nem são da área de tecnologia - irão fazer uma orientação profissional. Até para elas saberem em qual área mais se identificam: suporte, curadoria, a parte tecnológica, etc", complementa Bruno.

Quer saber quais empresas mais adotam esses serviços? O setor público, por exemplo já vem trabalhando com isso. 

Ouça a entrevista completa, no player acima. 

Tarde Nacional vai ao ar de segunda a sexta-feira, no horário de 15h às 17h, pela Rádio Nacional de Brasília. 

Criado em 22/01/2021 - 20:20 e atualizado em 22/01/2021 - 20:14

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa