Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Porcentagem de idosos na população deve passar de 12% para 30% até 2050

É um segmento que precisa continuar ativo, diz Alexandre Kalache,

A Entrevista de Valor do Em Conta desta segunda-feira (3) é toda ela em cima do Marco Político do Envelhecimento Ativo, de 2002, cuja revisão foi lançada no último dia 15 de julho, na sede da ONU, em Nova Iorque.

 

O trabalho foi feito pelo Centro Internacional de Longevidade, cujo presidente, Alexandre Kalache, é o convidado do programa de hoje, na parte do Brasil, na época de criação do marco era diretor da Organização Mundial da Saúde (OMS), na parte referente ao Envelhecimento e Saúde. E o que mudou?

 

“É a maior importância que a sociedade brasileira precisa dar aos idosos, cuja participação, inclusive na economia, continua importante para o país e inclusive porque isto traz melhor qualidade de vida para eles”, afirma Alexandre Kalache.

 

O novo quadro que a cada ano vai colocar mais idosos na sociedade é devido a vários fatores, entre eles a taxa menor de fecundidade dos jovens de hoje, o aumento do tempo de vida que faz com que um bebê hoje nasça com pelo menos 30 anos a mais de vida do que até há pouco tempo, segundo o especialista. E tem ainda o fato de que as mulheres vivem mais do que os homens, na média ficam viúvas, sozinhas, por até 15 anos ou mais, na chamada “feminização do envelhecimento.”

 

Em Conta faz especial com dicas de educação financeira para idosos

 

Durante a entrevista, Alexandre Kalache também lembra que os idosos, não só pelo maior número deles, a cada ano, continuam muito importantes porque eles acumulam experiência necessária inclusive para a economia como um todo, lembrando o alto índice de analfabetismo, inclusive funcional, dos jovens que estão entrando no mercado de trabalho. Por isso, ele acrescenta:

“É preciso que o trabalhador idoso se sinta estimulado a continuar trabalhando e com isso ajude a nossa economia.”

 

O Em Conta– a Economia que você entende vai ao ar de segunda a sexta-feira, a partir de 12h40 na Rádio Nacional da Amazônia e de 10h40 na Rádio Nacional do Alto Solimões.

 

A produção é de Cleide de Oliveira. A edição e apresentação é de Eduardo Mamcasz. Continue participando: emconta@ebc.com.br



Criado em 03/08/2015 - 14:15 e atualizado em 05/08/2015 - 07:05

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa