Educação domiciliar cresce 965% nos últimos cinco anos, no Brasil

Rio de Janeiro sedia conferência global sobre o tema até o dia 12 de março
Educação domiciliar
Educação domiciliar IowaPolitics.com / Flickr / CC

Até o dia 12 de março, pessoas de mais de vinte países estarão reunidas, no Rio de Janeiro, para discutir a educação domiciliar. Os participantes da Global Home Education Conference 2016 vão desde jovens que foram educados em casa durante a infância até o cientista indiano vencedor do Prêmio TED, Sugata Mitra.
 
Quem falou sobre a conferência e sobre a educação domiciliar, também conhecida como Homeschooling, foi o assessor jurídico da Associação Nacional de Educação Domiciliar, Alexandre Magno Fernandes Moreira.
 
Segundo ele, essa forma de educar, já bastante difundida em outros países, vêm crescendo expressivamente no Brasil: nos últimos cinco anos, o número de famílias que fazem a educação domiciliar cresceu 965 por cento.
 
Alexandre falou sobre o que é preciso para educar os filhos, já que o homeschooling exige tempo, dedicação e disposição para mudar a dinâmica de toda a família. Ele também abordou os preconceitos ligados ao tema e lembrou grandes nomes da ciência e das artes que trocaram a escola pela própria casa.
 
Ouça a íntegra da entrevista clicando no player acima.
 
O programa Tarde Nacional vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 16h, na Rádio Nacional da Amazônia. A apresentação é de Juliana Maya

Produtor
Roberta Timponi e Juliana Maya
Tarde Nacional
em
10/03/2016 - 19:04
atualizado em
10/03/2016 - 19:01