Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Funcionários da Caesb vão entrar em greve a partir de quinta-feira

Segundo o Sindágua, os trabalhadores entrarão em greve porque a Caesb quer “retirar direitos trabalhistas” previstos em acordo coletivo

Repórter Nacional - Brasília

No AR em 07/05/2018 - 15:34

A partir da próxima quinta-feira, os trabalhadores da Caesb vão cruzar os braços. A paralisação decidida em assembleia está prevista para começar à meia-noite, de quarta para quinta-feira, dia 10.

Segundo o Sindágua, sindicato que representa a categoria, os trabalhadores entrarão em greve porque a Caesb quer “retirar direitos trabalhistas” previstos em acordo coletivo e porque a empresa não quer atender a pauta de reivindicações, ligada à data-base de 2018 e reajuste salarial com inflação acumulada de dois anos.

O Sindicato alega que as reivindicações dos trabalhadores foram entregues à Caesb 80 dias antes de vencer o acordo coletivo de trabalho. A categoria também alega que há má gestão dos recursos hídricos do , e que é contra a Caesb repassar os custos à população, por meio de reajuste extraordinário.

Em nota, a Caesb lamentou a decisão pela greve, que considera inoportuna e irresponsável. Disse também que vem mantendo negociações com a categoria há pelo menos 60 dias. Em relação ao reajuste salarial, a companhia informa ter apresentado proposta de 1,25%, além de manutenção de todos os benefícios.

A Caesb ainda alega momento de dificuldades e de crise, já que o faturamento da empresa sofreu redução. Em relação à greve, a Caesb informou que vai tomar providências, para minimizar os prejuízos à população.

Ouça também no Repórter Nacional - Brasília:

- Motoristas do DF ignoram a lei seca

- Após greve relâmpago, motoristas da empresa Urbi podem realizar novas paralizações

Escute o programa completo:

Criado em 07/05/2018 - 15:49

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa