Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Revista Brasil fala sobre Dia Mundial do Diabetes

No Dia Mundial do Diabetes, o Brasil não tem muito o que comemorar.

O Dia Mundial do Diabetes é comemorado nesta sexta-feira (14). O Brasil ocupa a quarta posição no ranking de diabetes. Tomar remédio não é suficiente para controlar a doença. É preciso ter uma dieta equilibrada e praticar atividades físicas regularmente.

 

Ouça também:

 

Especialista desmente estudo sobre riscos de diabetes pelos adoçantes

 

Brasil possui cerca de 14 milhões de pessoas com diabetes

 

Cuidado! Diabetes é fator de risco para problemas cardíacos. Especialista alerta que pessoas com esta patologia estão mais propensas a sofrer infartos e AVCs. Mais de 14 milhões de brasileiros acima de 18 anos convivem com a diabetes atualmente.

 

Para falar sobre este assunto, o programa Revista Brasil entrevistou o cardiologista do Hospital do Coração do Brasil, em Brasília, Anselmo Mota, que falou aos ouvintes da Rádio Nacional de Brasília sobre os cuidados para se prevenir e conviver com o diabetes e quais as consequências que a doença pode trazer ao coração.

 

Segundo o cardiologista, a doença é considerada fator de risco muito importante para as doenças cardiovasculares. Por esta razão, o paciente diabético tem que se adaptar a uma série de condições de tratamento, que é feito com diversos medicamentos para o controle da glicose e acompanhamento rigoroso do ponto de vista cardíaco. Anselmo Mota ressaltou que as doenças cardiovasculares aumentam em 34 vezes a incidência de infartos e AVCs na população diabética.

 

Os pacientes que estão no início do diabetes podem, segundo o médico cardiologista, fazer tratamento através de medicações, já que ainda não há falência do pâncreas, órgão responsável pela produção de glicose. Porém, a partir do momento em que a doença se torna progressiva, após 10 ou 15 anos, a medicação se torna insuficiente, sendo o paciente subordinado ao uso da insulina.

 

Anselmo contou que o diabetes pode ser desenvolvido por uma série de fatores. O hereditário, que ocorre principalmente nos pacientes com o tipo 2 e mais idosos, e por fatores relacionados aos maus hábitos alimentares, aliados à falta da prática de atividades físicas. Segundo ele, a taxa de pessoas com a doença tem aumentado bastante devido ao excesso de peso.

 

Confira a íntegra da entrevista aqui!

 

O Revista Brasil vai ao ar de segunda a sábado, às 8h, pela Rádio Nacional de Brasília, uma emissora da Empresa Brasil de Comunicação (EBC). A apresentação de Valter Lima.



Criado em 14/11/2014 - 13:04 e atualizado em 14/11/2014 - 11:59

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa