Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Justiça libera venda de insetos conhecidos como Aedes do Bem

Os insetos são machos e usados para combater doenças como a dengue

Repórter Nacional - Brasília

No AR em 23/03/2018 - 11:23

A Justiça Federal em Brasília liberou a empresa Oxitec a vender insetos Aedes aegypti geneticamente modificados, conhecidos como Aedes do Bem.

A decisão é do juiz federal Renato Borelli e contraria o parecer da Agência Nacional de Vigilância Sanitária. O juiz determinou que a agência suspenda a análise que barrava comercialização dos mosquitos.

Borelli levou em consideração parecer da Comissão Técnica Nacional de Biossegurança que se manifestou favorável à liberação do Aedes do Bem, por, segundo a comissão, não apresentar riscos adicionais ao meio ambiente, aos seres humanos e aos animais quando comparado à mesma espécie não geneticamente modificada.

Os "Aedes do Bem" são machos que dispõem de um gene capaz de fazer seus descendentes morrerem antes de atingir a fase adulta, e são usados para o combate de doenças transmitidas pelo inseto como a dengue.

Eles não picam e possuem marcador fluorescente que permite que sejam identificados em laboratório.

A decisão cabe recurso.

Ouça também nesta edição do Repórter Nacional - Brasília:

- Servidores da Assistência Social do Distrito Federal decidem manter a greve

Criado em 23/03/2018 - 11:28

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa