Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

MP cobra medidas de combate ao mosquito Aedes aegypti na capital federal

Quarenta e três pessoas já morreram de dengue este ano

Repórter Nacional - Brasília

No AR em 18/09/2019 - 07:30

Pensando no combate às doenças causadas pelo Aedes aegypti, a Promotoria de Justiça de Defesa da Saúde (Prosus) recomendou que a Secretaria de Saúde adote 14 medidas para o combate ao mosquito.

O promotor Clayton Germano explica que as recomendações giram em torno de três eixos.

Entre as medidas propostas, estão o aumento da fiscalização e a punição de pessoas que forem flagradas, mais de uma vez, com focos do mosquito dentro de suas residências.

O promotor Clayton Germano informou ainda que a Secretaria de Saúde terá um prazo de 30 dias para adotar as mudanças.

Além da dengue, que este ano matou 43 pessoas, o mosquito Aedes aegypti também pode transmitir o zika vírus e a febre chikungunya.

Outros destaques do Repórter Nacional - Brasília (7h30) desta quarta-feira (18):

 

Criado em 18/09/2019 - 09:24

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Mais do programa